Reabertura das fronteiras no Chile em 01 de outubro de 2021

Finalmente o Chile anunciou a reabertura das suas fronteiras para estrangeiros a partir de 01 de outubro de 2021. Leia este artigo para saber tudo sobre os procedimentos para o ingresso no Chile.

Image

Finalmente foi anunciado a reabertura das fronteiras no Chile, que começa já no dia 01 de outubro de 2021 e se dará de forma gradual.


Então se você já está com data marcada ou estava aguardando ansiosamente por esta notícia para comprar suas passagens aéreas para o Chile, continue lendo este artigo até o final.


E fique atento às exigências do governo chileno porque alguns procedimentos, como a obtenção do Passe de Mobilidade, podem demorar até 30 dias !

Requisitos para entrar no Chile

A reabertura das fronteiras no Chile veio com algumas exigências por parte do governo para os estrangeiros não residentes:


- Declaração Jurada feita pelo menos 48 horas antes do embarque – disponível no site c19.cl;

- Teste PCR – Covid negativo com coleta feita em até 72 horas antes do embarque;

- Validar as suas vacinas no site mevacuno.gob.cl;

- Seguro Viagem de US$30.000 e com cobertura específica para Covid.

Medidas sanitárias para entrar no Chile

A reabertura das fronteiras no Chile será um passo a passo. E nesta etapa que se inicia no dia 01 de outubro de 2021, o viajante, além de cumprir os requisitos acima, deverá:


- Informar o seu local de estadia para as autoridades;

- Fazer isolamento por 05 dias (quem vez a validação das vacinas) ou por 07 dias (quem não validou as vacinas);

- Preencher um formulário de autodeclaração do estado de saúde dos últimos 14 dias.

Os viajantes poderão ainda ser submetidos a teste de Covid (PCR, Antígenos ou outro tipo) em qualquer dos 14 dias seguidos a contar do seu ingresso no território chileno.


Atualização: em 06.10.2021 o governo chileno anunciou que quem fizer o exame PCR no Chile, cujo resultado sai em até 24 horas, vai estar liberado da quarentena obrigatória de 05 dias.


Leia mais aqui: Chile sem quarentena obrigatória para entrada de turistas

Quais vacinas são aceitas no Chile ?

Na reabertura das fronteiras no Chile, serão aceitas todas as vacinas aprovadas pelo Instituto Chileno de Saúde Pública (ISP), pela Organização Mundial da Saúde (OMS), pela Food and Drug Administration (FDA) e pela Agência Europeia de Medicamentos (EMA). São elas:


- Moderna

- Pfizer / BioNTech

- Janssen (Johnson & Johnson)

- Oxford

- AstraZeneca

- Sinopharm

- Sinovac (Coronavac)

- CanSino

- Gererium (Sputinik-V)

Passo a passo para validar suas vacinas


Conforme mencionamos acima, os estrangeiros não residentes devem solicitar a validação das suas vacinas recebidas no exterior no site mevacuno.gob.cl para receberem o Pase de Movilidad (Passe de Mobilidade). Siga este passo a passo:


1 - Criar uma conta com email e senha;

2 - Verifique o seu email e faça confirmação da sua nova conta no email enviado pelo sistema;

3 - Faça login novamente e vá no menu “Minhas vacinas”;

4 - Preencha o formulário “Validação de vacina para estrangeiros não residentes”;

5 - Anexar foto do documento de identificação que deve coincidir com o que foi registrado na vacinação (RG ou Passaporte);

6 - Anexar comprovante ou certificado de vacinação no país de vacinação (se tiver assinatura eletrônica avançada e/ou QR Code o processo será mais rápido);

7 - Anexar documento que comprove a permanência no país onde você embarcou (como sua passagem aérea).

Após você finalizar este passo a passo você vai receber um email indicando se o seu processo está em andamento ou se você vai precisar anexar mais documentos para a validação.


Fique atento: este processo pode demorar até 30 dias. Então se você já está com viagem com data marcada é preciso fazer isso com urgência !

Resultados possíveis para a solicitação de validação das vacinas

Na reabertura das fronteiras no Chile o Passe de Mobilidade será uma das exigências e o processo de solicitação de validação das vacinas terá 03 resultados possíveis: Incompleto, Válido e Temporariamente Válido.

Incompleto


O pedido é rejeitado por ser incompleto ou inconsistente. O usuário deverá completar o seu pedido através do link recebido por email.

Válido


Depois de enviar uma solicitação completa e verificável, aceite o aplicativo e baixe o seu Passe de Mobilidade. A validação terá um prazo máximo de 45 dias para entrar no Chile. Passado este prazo será necessária uma nova validação.

Temporariamente Válido


Se uma pessoa tiver um histórico consistente mas não verificável por e-mail, ela poderá obter temporariamente o Passe de Mobilidade pelo prazo de 30 dias, contados a partir da entrada no Chile.


Para a validação permanente, deverá anexar no seu pedido, no prazo de 90 dias, o resultado de teste realizado em laboratório autorizado, situado no chileno, e que ateste que possui anticorpos IgM / IgG positivos contra coronavírus, realizado pelo menos 14 dias após a conclusão do processo de validação das vacinas.


E também terá o prazo máximo de 45 dias para entrar no Chile sob pena de novo processo de validação.

Seguro viagem Obrigatório


No processo de reabertura das fronteiras no Chile o seguro viagem passou a ser obrigatório e precisa ter cobertura mínima de US$30.000 e mais uma cobertura específica para Covid.


Segundo o Ministério da Saúde do Chile, esta obrigatoriedade é válida apenas para os estrangeiros não residentes.


O seguro viagem, agora obrigatório para o Chile, pode virar seu melhor amigo no caso de imprevistos.


Sugerimos que você use o comparador de seguros viagem da Seguros Promo, que está integrado com as melhores seguradoras do país, além de ser muito fácil, rápido e seguro fazer a cotação e contratação.

Quer reservar seus passeios com a TourGO? Saiba o que fazer!


Se você quiser solicitar um atendimento exclusivo por WhatsApp e 100% em português basta preencher este Formulário de Contato com os seus dados.


E em breve um dos nossos consultores entrará em contato com você para lhe passar informações completas dos passeios, itinerários, dicas e ofertas exclusivas.